Postos territoriais da GNR passam a entregar bens essenciais a quem está em confinamento obrigatório

O apoio materializa-se na satisfação das necessidades básicas, caso estas pessoas não tenham ninguém a quem recorrer, “para a entrega de bens essenciais, como produtos alimentares ou medicamentos”.

© Direitos Reservados

A Guarda Nacional Republicana deu início a uma campanha de auxílio aos que, “por seu infortúnio, se encontram sujeitos a confinamento obrigatório”.

“Todos os que se encontram nessa situação, designadamente os doentes com covid-19, infetados com SARS-Cov2, ou todos aqueles a quem tenha sido determinada a vigilância ativa pelas autoridades de saúde, e que obrigatoriamente devem permanecer isolados no seu domicílio, podem agora contar, para além do apoio da Segurança Social, com o apoio da GNR, através do Posto Territorial mais próximo da sua residência”, informou, através de um comunicado enviado às redações, a instituição.

O apoio materializa-se na satisfação das necessidades básicas, caso estas pessoas não tenham ninguém a quem recorrer, “para a entrega de bens essenciais, como produtos alimentares ou medicamentos”.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?