HOSPITAL IMPLEMENTA SISTEMA DE INTERNALIZAÇÃO DE ANÁLISES CLÍNICAS

O Hospital da Senhora da Oliveira (HSOG) implementou um sistema de internalização de análises clínicas, um projeto que abrange 38.000 utentes e custou 82 mil euros, indicou hoje o estabelecimento hospitalar.

©  Mais Guimarães

O objetivo é “dar uma resposta atempada aos utentes no que diz respeito à realização de análises clínicas, tendo por base uma comunicação e um trabalho interdisciplinar, valorizando a conceito de proximidade e humanização para com o utente”, indica nota de imprensa.

O projeto está a ser implementado em parceria com o Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Alto Ave e a Administração Regional de Saúde do Norte. Segundo o HSOG, a implementação deste projeto permite “a melhoria da acessibilidade aos locais de colheita, com maior rapidez, resultando em ganhos de eficiência e redução de custos, porque os utentes têm a oportunidade de fazer a colheita para análise no seu centro de saúde, tendo o médico de família acesso direto aos resultados”.

No comunicado pode ler-se que a decisão da implementação do novo projeto “não se encerra apenas nos benefícios que o mesmo traz para as Instituições envolvidas”. “Na verdade, a consolidação desta nova medida permitirá ao utente diversas vantagens, nomeadamente na melhoria da acessibilidade aos locais de colheita, com maior rapidez, resultando em ganhos de eficiência e redução de custos, porque os utentes têm a oportunidade de fazer a colheita para análise no seu centro de saúde, tendo o médico de família acesso direto aos resultados”, pode ler-se no documento.

85% do valor do projeto comparticipado por fundos no âmbito de elegibilidade de candidatura ao Programa de Incentivo à Integração de Cuidados e à Valorização dos Percursos dos Utentes no Serviço Nacional de Saúde.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?