HSOG APRESENTA COMISSÃO DE HUMANIZAÇÃO NO DIA MUNDIAL DO DOENTE

Equipa procura conjugar competências para humanizar o tratamento aos doentes. Dia Mundial do Doente assinala-se esta terça-feira.

Henrique Capelas realçou que é importante, na área da saúde, falar-se “a linguagem do coração”. © Mais Guimarães

Se o Dia Mundial da Saúde (celebrado a 07 de abril) é “mais vocacionado para questões externas”, o Dia Mundial do Doente debruça-se sobre “uma reflexão” voltada para o interior. Ou seja: para “a alma, os sentimentos, o afeto” — enfim, a “humanização”. E foi a partir da última palavra que Henrique Capelas, presidente da administração do Hospital da Senhora de Oliveira de Guimarães (HSOG), centrou o discurso de abertura da sessão que decorreu no auditório do hospital.

É que para lá das “regras e guidelines” que pautam a atividade dos profissionais de saúde, é-lhes fundamental incutir no seu trabalho, também, “a linguagem do coração”. “Temos regras e guidelines que temos de seguir, mas tudo isso são palavras que serão poucas se não existir algo dentro de nós”, disse Henrique Capelas, que reforçou: “Temos de colocar-nos sempre no lugar do outro”. A mensagem vai ao encontro da recomendação da Organização Mundial da Saúde: colocar o doente no sistema de saúde.

Para tal, o HSOG constituiu uma equipa de diversas valências — uma “Comissão de Humanização” — que procura proporcionar um encontro entre as competências dos diversos profissionais que a integram. E isso visa uma atuação “em várias dimensões”, tanto para os doentes, mas também entre profissionais, explicou Ana Luísa Bastos, enfermeira diretora daquele hospital, na apresentação da comissão. Os vários eixos em que a equipa anunciada atua confluem para a frase que carateriza o projeto: “Humaniza-te, HSO”.

Para além das intervenções de Henrique Capelas e Ana Luísa Bastos, as celebrações do Dia Mundial do Doente contaram com uma conferência proferida por Filipe Almeida, diretor do Serviço de Humanização do Centro Hospitalar de São João, que também é Médico Pediatra do mesmo local, para além de Professor Auxiliar na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto.

Durante toda esta terça-feira, será distribuído material informativo pelos voluntários do Serviço de Assistência Espiritual e Religiosa do HSOG.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?