Jeremias Soares: “Os clubes não têm capacidade financeira para a realização de testes”

O rugby foi considerado pela Direção Geral da Saúde como desporto de alto risco e os clubes estão preocupados com o futuro da modalidade. Jeremias Soares, treinador do Guimarães Rugby UFC (GRUFC), é uma das vozes da apreensão atual. “Fomos apanhados de surpresa, pelo fato de exigirem a realização de testes. Numa modalidade que em Portugal é amadora, os clubes não têm capacidade financeira para a realização de testes. Não há verbas. Cada teste custa 150 euros e se multiplicarmos esse valor por 23 jogadores, estamos a falar de valores impossíveis para os clubes nacionais”, lembrou.

“Vamos aguardar pelo parecer da Federação. Alguma coisa tem de ser feita. Em novembro, a seleção tem jogos importantes na qualificação para o Mundial de 2023. Mas como os clubes nacionais não têm capacidade financeira para realizarem testes, o grosso da seleção, composta por jogadores que jogam em Portugal, correm o risco de estarem inativos”, acrescentou.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?