Jovem que morreu na A3 era de Joane

Luís Miguel Vieira Meira, de 22 anos, morreu ao tentar auxiliar feridos na sequência de um despiste ocorrido esta manhã, na A3, entre os concelhos de Braga e de Famalicão.

O jovem era natural de Joane, em Famalicão, mas vivia em Viana do Castelo, onde estudava na Escola Superior de Tecnologia e Gestão.

Luís Meira encostou e saiu do carro com o objetivo de avisar os condutores para abrandar, depois de passar por uma carrinha capotada com vários feridos.

Um veículo, ao tentar desviar-se de outros que travavam repentinamente, acabou por entrar em despiste e atropelar mortalmente Luís Meira.

O famalicense seguia com a namorada e um amigo, que receberam apoio psicológico.

Houve ainda três vítimas com ferimentos considerados ligeiros pelas equipas médicas, encaminhas para o serviço de urgência do Hospital de Braga.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?