MANUEL COSTA E DOMINGOS BRAGANÇA FRENTE A FRENTE EM TRIBUNAL

A situação que envolve os terrenos do Cavalinho vai seguir para tribunal e colocar frente a frente Manuel Freitas Costa, administrador da empresa detentora do alvará, e Domingos Bragança e a Câmara Municipal de Guimarães.

A situação remonta a 29 de junho, data da realização do terceiro leilão com vista à venda do lote de terrenos da Encosta de Vila Flor, que voltou a não se realizar.

De acordo com documentos, a que o Mais Guimarães teve acesso, foi emitido em novembro de 2016, pela Câmara Municipal de Guimarães, um documento que dava conta da não caducidade do alvará.

 

Leia a notícia na íntegra no jornal Mais Guimarães, nas bancas a partir desta quarta-feira.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?