Moreira de Cónegos: Requalificação da EB1 de Vermis arranca esta quarta-feira

A obra da requalificação e ampliação da EB1 de Vermis, em Moreira de Cónegos, tem início esta quarta-feira, 03 de junho, e deverá estar concluída dentro de um ano. O investimento a rondar os 2,4 milhões de euros permitirá transformar aquele equipamento no Centro Escolar da Vila de Moreira de Cónegos.

O projeto contempla a reformulação do atual edifício, sendo dotado com salas de aulas com novas tecnologias. A escola divide-se em quatro volumes, ligados entre si, de acordo com a sua utilização programática. Estes volumes são interligados através de uma cobertura que alberga também o programa acessório a cada um destes programas.

Associado ao edifício do “Plano Centenário”, será criado a nascente um volume de expansão da escola do 1º ciclo, com dois pisos. Na zona associada ao átrio principal, será criado volume da mediação com os espaços de gestão, professores e biblioteca. Esta localização permite uma mais-valia funcional pela sua centralidade e facilidade para gestão e acesso quer interno quer externo.

O volume do Jardim de Infância ficará a poente. As salas de atividades do Pré-Escolar foram pensadas com o objetivo de uma maior flexibilidade da organização do espaço.

O quarto volume que alberga o polivalente, o refeitório e espaços anexos, ficará do lado norte. O polivalente com um pé direito superior responde à versatilidade de usos que se pretende, sendo que na lateral do volume sobre o refeitório e cozinha esta área será utilizada para área técnica.

O projeto privilegia a relação com a iluminação natural da biblioteca, sala de professores e gabinete da direção, ficando o gabinete da associação de pais e o gabinete de atendimento com a iluminação natural filtrada pela pala do recreio exterior, uma vez que são espaços de permanência não prolongada.

O acesso principal exterior é feito através de portão alinhado os edifícios, facilitando assim o controlo de acessos e disponibilizando espaço abrigado de espera. O novo limite proposto mantém a circulação e estacionamento de carros no exterior do recinto escolar, criando uma zona alargada de saída do recinto escolar evitando cruzamentos e contacto dos alunos com os automóveis e perigosidade desnecessária.

Está previsto um acesso de serviço, localizado a Poente. Este acesso com capacidade de circulação de veículos automóveis, permite cargas e descargas para os serviços, que são estrategicamente localizados nesta frente, nomeadamente as cozinhas e respetivo armazenamento.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?