Município de Esposende abre concurso público para projeto de polo da UMinho

O presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira, o reitor da Universidade do Minho, Rui Vieira de Castro e o vice-reitor para a Investigação e Inovação, Eugénio Campos Ferreira, reuniram esta quarta-feira e o Município vai avançar com a abertura do concurso público para a elaboração do projeto de instalação do Instituto Multidisciplinar de Ciência e Tecnologia Marinha, na Estação Radionaval de Apúlia.

©  CM Esposende

Segundo a Câmara Municipal de Esposende, o protocolo de cooperação, entre o Município e a Universidade do Minho foi firmado em março de 2015, contemplando a instalação de duas unidades dedicadas à investigação e tecnologia marinhas.

A decisão do Município de Esposende avançar com a abertura de um concurso público “responde à inclusão do CVTMar – Centro de Valorização de Tecnologia baseada em Recursos Marinhos no mapeamento de infraestruturas tecnológicas nacionais da Agência Nacional de Inovação (ANI) que confere reconhecimento acrescido ao projeto. De resto, este mapeamento está intrinsecamente alinhado com o anúncio recente de investimento na investigação e economia do mar no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência e, perspetivando os Quadros Comunitários de Apoio, permite fundamentar um projeto de grande importância para Esposende, atraindo massa crítica e implementando o arranque do ensino superior no concelho”.

O Município de Esposende adquiriu, em setembro de 2018, por 936 mil euros, cerca de 3,5 hectares de terreno, dos 14 que formam a Estação Radionaval Almirante Ramos Pereira, em Apúlia, e vai agora reforçar esta aposta com um investimento considerável na elaboração do projeto.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?