PROPOSTA DE ACESSIBILIDADE PARA O PARQUE DA MUMADONA REJEITADA

A Coligação Juntos por Guimarães (PSD e CDS-PP) viu rejeitada a proposta para resolver o problema de acessibilidade de pessoas com mobilidade reduzida ou condicionada ao parque de estacionamento do Largo da Condessa de Mumadona pela maioria socialista. Domingos Bragança defendeu que a proposta não fazia sentido, pois já tem em curso, desde Maio, medidas para solucionar o problema.

A coligação apresentou a proposta na quinta-feira, em reunião de câmara, mas os quatro votos dos vereadores do PSD e do CDS-PP, bem como do vereador da CDU revelaram-se insuficientes perante a maioria socialista que votou contra. O presidente, Domingos Bragança, usou o voto de qualidade para chumbar a proposta apresentada.

André Coelho Lima, vereador do PSD, apesar de se mostrar satisfeito com a preocupação mútua dos deputados do PS, pretendia com a proposta assegurar a continuidade para a resolução de um “problema que já há muito tempo devia estar resolvido”.

Domingos Bragança defendeu que a proposta não fazia sentido, pois já tem em curso, desde Maio, medidas para solucionar o problema, que vai passar por uma plataforma destinada às pessoas que têm mobilidade reduzida ou condicionada. Na sequência, já foi contactado formalmente o gabinete do arquiteto Siza Vieira, que foi responsável pelo projeto.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?