Recordar… o Vitória #58

Por Vasco André Rodrigues, Advogado e fundador do projeto ‘Economia do Golo’

Aquela temporada de 2005/06, como já aqui escrevemos, foi má de mais para merecer entrar no compêndio das doces recordações.

A época plena de infelicidade, concluída com a descida de divisão, fez com que os vitorianos olhassem para aquele conjunto de jogadores com desilusão, atento o palmarés daqueles homens e que, no campo, jamais conseguiram confirmar tais predicados.

Porém, como em tudo na vida, existirão excepções! Exemplos positivos dentro de um conjunto de momentos tristes e negros que nenhum adepto do clube do Rei quererá relembrar.

Dentro do campo excepcional, teremos de falar no avançado daquela equipa! Aludimos, pois, a Marek Saganowski, o polaco que, durante aquela temporada, incendiou o coração dos vitorianos na esperança de um resgate que nunca haveria de chegar.

Dotado de técnica acima da média, instinto goleador, capacidade quase divinatória de saber onde a bola iria cair para aterrorizar a vida dos guarda-redes adversários, bem como senhor de um pontapé bombástico, Sagan, como era conhecido, terá sido um nome que ficou na memória de todos os adeptos, pelo que fez por uma equipa que jamais conseguiu colocar a cabeça “fora de água”. Uma equipa que se afundou, apesar dos 16 golos apontados pelo jogador.

O jogador estrear-se-ia na primeira etapa desse nefasto campeonato, na surpreendente derrota caseira perante a Naval Primeiro de Maio. Na jornada seguinte haveria de apontar o seu primeiro golo de Rei ao peito, em mais uma derrota da equipa do Rei, desta feita em Vila do Conde. O Vitória não encarreirava, mas algo já era consensual: em Guimarães actuava um dos melhores avançados da Liga.

Avançado esse que haveria de conseguir ganhar um lugar na história, no momento em que marcou um golo de autor na vitória dos Conquistadores, em Cracóvia, no play-off de apuramento para a fase de grupos da Liga Europa. Com um movimento técnico sublime e um remate em arco ao poste mais distante, Sagan, como gostava de ser chamado, entrou na história do nosso clube… era a primeira vitória fora do D. Afonso Henriques, para uma competição europeia.

A temporada haveria de continuar com este momento de alegria a ser quase único. Não obstante isso, os poucos lampejos existentes deveram-se ao talento do polaco que continuou de braço dado com os golos…e em outro contexto poderia ter sido um caso muito sério.

Mesmo assim, foram dele golos que ficaram na memória dos vitorianos, como o obtido num belo salto de peixe frente ao Bolton Wanderers, num jogo frenético e que findou em empate no D. Afonso Henriques. Ou então, o golo que encheu os corações de esperança na meia final da Taça de Portugal frente ao homónimo sadino, até Auri empatar a partida. Ou, ainda, o hat-trick frente ao mesmo adversário na vitória mais gorda da época.

Porém, além destes momentos, quem poderá esquecer a bomba teleguiada no empate a um, obtido no Bessa, e que certamente terá sido um dos tentos mais belos da Liga daquele ano?

A época seria pontuada, pois, com os golos de Sagan a iludirem e a darem a tal esperança, que, por fim, se esvaiu entre os dedos! Porém, como não poderia deixar de ser, na última vitória da equipa nessa época, naquele momento em que todos quisemos, ainda, acreditar ser possível o milagre da salvação, seria importante ao marcar o seu último golo pelo Vitória. Ainda não sabíamos, mas aquela vitória por três bolas a uma perante o Penafiel, encetada com polémica com o tunisino Benachour a mandar calar os adeptos após abrir o activo, seria o requiem do adeus…a última vitória…em que Saganowski marcaria o último dos 16 tentos pelo Vitória.

No final da temporada, após o tenebroso destino se ter materializado, seria mais um a fazer as malas para outras paragens!

Porém, em Guimarães, apesar de tudo, o actual treinador adjunto do Légia de Varsóvia, clube ao qual o Vitória o contratou, ainda é recordado com saudade…tivéssemos um Sagan, por exemplo, na época do terceiro posto de Cajuda e onde o Vitória teria chegado?

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?