Serviços mínimos na Hungria garantem qualificação

Nulo de ideias refletiu-se no resultado.

Vitória-festejos-mood

O Vitória garantiu, nesta noite de quinta-feira, após nulo na casa do Puskás Akadémia, a presença na terceira pré-eliminatória da Conference League. Uma eliminatória que ficou selada no jogo da primeira mão (3-0), dado que o desempenho no Pancho Aréna ficou muito distante da qualidade apresentada no D. Afonso Henriques.

Apresentando um onze apenas com duas mudanças, colocando André Amaro e Dani Silva na vaga dos lesionados Jorge Fernandes e André Almeida, os conquistadores não foram capazes de protagonizar uma exibição positiva, diante um oponente frágil e que também revelou poucos argumentos para discutir a passagem.

No segundo tempo até houve mais espaços, mas insuficientes para dar cor a um jogo muito cinzento de ideias. Moreno Teixeira ainda se socorreu das opções do banco para estimular o fraco desempenho nos 90 minutos, mas sem sucesso. Ainda assim, face à inoperância do adversário, o treinador promoveu a estreia de João Pereira na equipa principal.

PUBLICIDADE

Arcol

Partilhar

PUBLICIDADE

Ribeiro & Ribeiro
Instagram

JORNAL

Tem alguma ideia ou projeto?

Websites - Lojas Online - Marketing Digital - Gestão de Redes Sociais

MAIS EM GUIMARÃES