TRABALHADORES DA ÁGUAS DE PORTUGAL MOBILIZADOS PARA UMA GREVE DE 24 HORAS

Os trabalhadores da Águas de Portugal iniciam ao princípio da noite de hoje, segunda-feira, 23, a primeira greve de 24 horas em todas as empresas do grupo. Durante o dia da greve, estão previstas concentrações de trabalhadores em alguns pontos do país.

De referir que a empresa Águas do Norte, integrada no Grupo Águas de Portugal, vai deslocar, a 07 de maio, os colaboradores de Guimarães para os polos de Barcelos, Fafe, Vila Real e para um local ainda a definir.

Nesse sentido, os trabalhadores vão fazer greve contra a deslocalização e encerramento das instalações em Guimarães. Os funcionários que operam na cidade-berço vão concentrar-se com outros colegas do grupo na ETAR da Madalena, em Vila Nova de Gaia.

Segundo nota do sindicato, foi “patente a vontade e determinação dos trabalhadores em lutarem pelo aumento dos salários, a uniformização dos direitos, a regularização dos vínculos precários, a atribuição de carreiras e categorias que correspondam às profissões efetivas e o estabelecimento das sete horas diárias e 35 horas semanais”.

A mesma fonte alerta que na “consequência da greve existe a possibilidade de a água faltar nas torneiras em algumas regiões”.

1 Comentário
  1. Paulo Pires 6 meses atrás

    Acho muito bem, não deveria ser só 24horas… mas sim todo o ano. Com (governantes e gestores de empresas públicas corruptos) ….. Que exemplo temos??? Tipo lei da selva ” salve-se quem poder”.

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?