Venha a Nova Escola. Já ontem era tarde.

Por Eliseu Sampaio,
Diretor do grupo Mais Guimarães

A Associação Nova Escola foi apresentada na tarde da passado sábado, no auditório da Universidade do Minho, em Guimarães. Como missão, pretende promover “ações reflexivas partilhadas em debate sobre a Escola e os seus intervenientes, retirando conclusões importantes sobre o futuro da Escola em Portugal”.

A Associação Nova Escola nasce, segundo o seu presidente, o vimaranense Renato Pacheco, da “vontade de um grupo de pessoas profissionais da educação, da psicologia, das artes e da cultura, que reconhece no fenómeno educativo a grande possibilidade de mudança e transformação para as sociedades contemporâneas”.

A Associação Nova Escola quer, no fundo, promover uma reflexão sobre o papel que a Escola deveria ter, mas não tem ou tem de forma insatisfatória, no desenvolvimento dos alunos. Os alunos que deveriam ser o principal foco e a prioridade, quer nos estabelecimentos de ensino, quer nas preocupações de todos os envolvidos.

O diagnóstico que podemos fazer é negro quanto à realidade da nossa “Velha Escola”. Para além de envelhecida, com programas desajustados aos novos tempos, devido à resistência de quase todos em lidar com o novo, temos um corpo docente desmotivado, e sucessivos Governos que, perante a necessidade obvia de transformação, foram assobiando para o lado. Mudar dá sempre algum trabalho, e é necessário coragem.

Parabéns àqueles que se juntaram para lançar esta Nova Escola. Que ela seja o fermento para os que estão descontentes com a Escola que hoje temos, que só serve “Velhos do Restelo” e que a vontade de mudança cresça pelo país.
Venha a Nova Escola. Já ontem era tarde.

©2023 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?