À PROCURA DE UM SORRISO LONGE DO BERÇO

A guerra entre os aflitos do campeonato, aqueles que lutam desesperadamente pela manutenção no principal escalão do futebol português, está ao rubro. Apesar de não estar incluído neste lote de emblemas, o Vitória vai ter um papel decisivo nas contas finais da manutenção.

Depois do empate contra o Vit. Setúbal (1-1), a equipa de José Peseiro vai medir forças contra o Feirense, último classificado do campeonato, já no próximo sábado. Na jornada seguinte é a vez do Moreirense visitar o D. Afonso Henriques.

Sem vencer fora de casa desde 03 de dezembro (triunfo por 1-2 diante do Vit. Setúbal, com dois golos do jovem extremo Raphinha), o Vitória joga num estádio onde nunca perdeu em jogos para o campeonato. Na época passada o jogo terminou empatado a zero, atrasando, na altura, a caminhada europeia da equipa orientada por Pedro Martins.

Com o quinto lugar e o possível apuramento para as competições europeias praticamente arredado, o Vitória parte para Santa Maria da Feira com a equipa praticamente na máxima força. A única exceção é o lateral direito Victor Garcia, lesionado há várias semanas. Depois de ter repetido o onze diante do Vit. Setúbal, na passada jornada, é de esperar que José Peseiro faça o mesmo neste sábado, diante dosFogaceiros, em jogo da 31.ª jornada da I Liga.

 

Fotografia: DR

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?