“Mais Vitória”: O lema com que António Miguel Cardoso anuncia a sua candidatura

Direitos reservados

António Miguel Cardoso anunciou, nesta manhã de sexta-feira, a sua candidatura à presidência do Vitória. O empresário, que no último ato eleitoral foi segundo classificado, com 31,1% dos votos, justificou a sua decisão. “Procurei manter o silêncio e deixar o clube e o seu presidente trabalhar sem ruídos externos. Tinha prometido isso em campanha e o que prometo cumpro. Mas agora é hora de os sócios voltarem a ser chamados a votar e convém que saibam com tempo quem são as equipas e os projetos que têm para devolver o Vitória ao lugar que lhe pertence”, refere António Miguel Cardoso, cujo lema da sua candidatura será “Mais Vitória”.

E prosseguiu. “Apercebi-me, nestes últimos anos, que o clube andou sem rumo, sem linhas orientadoras e com tantas mudanças que se sentia o desnorte. O Vitória está a desligar da cidade e aos poucos foi perdendo o estatuto e respeito das entidades que regulam o futebol. Alertei no anterior período eleitoral que isso poderia acontecer”, acrescentou.

O candidato, que terá como vice-presidentes Armando Guimarães, Diogo Leite Ribeiro, Nuno Soares Leite e Pedro Meireles, não esconde a sua preocupação financeira. “A atual direção não tem tido capacidade de reduzir a dívida. Pelo contrário, tem vindo continuadamente a piorar as finanças do clube, o que condiciona o futuro”, alerta.

©2022 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?