ASSEMBLEIA MUNICIPAL PODERÁ TER TRANSMISSÃO ONLINE

O novo regimento da Assembleia Municipal de Guimarães esteve em discussão, com a oposição a demonstrar-se crítica em relação à duração das sessões, que por norma se prolongam por mais do que um dia.

Intervenções do público no início das sessões, possibilidade de participação do público por email e novos tempos de intervenção estão entre as principais alterações ao Regimento da Assembleia Municipal, que irão entrar em vigor no próximo ano. “É o resultado de um longo trabalho de um ano”, afirmou o deputado do PSP Tiago Laranjeiro, com a oposição a manifestar consenso quanto ao facto de se ter conseguido “o melhor regimento possível”.

Comum a todas as intervenções dos deputados foi a importância de se reduzir o tempo das sessões que, consideram, prejudica aqueles que não fazem da política a sua atividade profissional. A defesa da realização de sessões com maior periodicidade, de modo a evitar uma extensa ordem de trabalhos, reuniu o consenso da Assembleia, que poderá passar também a ser transmitida online para um maior acompanhamento por parte da população.

Paulo Lopes Silva, deputado do PS, mencionou ainda a visita política às escolas como uma medida a seguir, de modo a levar a temática aos mais novos e mantê-los, desde cedo, envolvidos na mesma.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?