Caldas das Taipas quer Praia Seca classificada como água balnear

A junta de freguesia de Caldelas estabeleceu como objetivo tornar a zona ribeirinha do Ave, conhecida como Praia Seca, como Praia Fluvial.

Depois de construído no ano de 2019 um parque de lazer na margem do Ave, outrora classificado como um dos rios mais poluídos da Europa, a junta de freguesia procedeu durante o ano de 2020 à monitorização da qualidade da água, tendo submetido à Agência Portuguesa do Ambiente a sua classificação.

No entanto, de acordo com a Comissão Técnica de Acompanhamento e da Agência Portuguesa do Ambiente, apesar de estar classificada dentro da classe de qualidade “Boa”, durante a época balnear de 2020, a existência de um episódio de contaminação e a ausência de histórico, não permitiu a classificação daquela água balnear no primeiro ano de monitorização. Na época balnear de 2020, de todas as análises, apenas uma ultrapassa os limites da classe de qualidade de “aceitável”, mas o suficiente para que não seja possível a sua classificação.

Reagindo à decisão o presidente da junta de freguesia, Luís Soares, diz compreender a decisão da Agência Portuguesa do Ambiente: “O Rio Ave foi um dos rios mais poluídos da Europa. E apesar dos resultados indicarem que a água é boa, é importante consolidar os resultados pelo menos mais um ano, para dessa forma darmos garantias a todos os que se queiram banhar no nosso Rio.”

Assim, o autarca da freguesia do concelho de Guimarães, assegura que já foi remetida proposta de calendário de monitorização para o ano de 2021. “Não desistiremos. Faremos o nosso trabalho, mas é importante que cidadãos, empresas, a Águas do Norte e também a APA, continuemos todos a trabalhar para que este episódio de poluição não se repita. É verdade que apenas tivemos uma análise que não teve a classificação de boa, mas, infelizmente, foi o suficiente para adiarmos mais um ano a classificação por que tanto lutamos”. 

A junta de freguesia agradeceu à Agência Portuguesa do Ambiente, à Câmara Municipal de Guimarães, à Vimágua e ao Laboratório da Paisagem, por todo o apoio e colaboração prestada neste objetivo e que, de acordo com o autarca da freguesia, “continuará em 2021”.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?