Creches são argumento na corrida eleitoral

Com a população a diminuir, o número de filhos por casal a baixar e a idade das mães no momento em que têm o primeiro filho a subir, os berçários e creches, como forma de incentivar a natalidade tornam-se um argumento na corrida às próximas eleições autárquicas de 26 de setembro. Em Guimarães, é a Coligação PSD/CDS que tem agitado esta bandeira. Mas, de que fala a Coligação quando fala de criar creches e berçários?

Foto: DR

Bruno Fernandes aponta desde logo a necessidade de, em colaboração com as Juntas de Freguesia, fazer um levantamento das necessidades, por todo o território do concelho. “Onde for possível aumentar a capacidade instalada, vamos fazê-lo, onde for necessário construir de raiz, teremos que o fazer. A questão é que não podemos aceitar a perda demográfica como uma fatalidade contra a qual não podemos fazer nada. Há concelhos que estão a perder menos população que Guimarães e há mesmo alguns que estão a ganhar”, aponta o candidato à presidência da Autarquia.

Bruno Fernandes aponta o exemplo de Braga, em que o Município colocou em marcha um programa deste tipo. “Isto, apesar de o concelho de Braga não sofrer da quebra demográfica que afeta Guimarães”, comenta Bruno Fernandes.

Braga espera ir buscar verbas ao PRR para as creches

A Câmara Municipal de Braga anunciou, em maio passado, o lançamento de um projeto piloto para a criação de estruturas de apoio à primeira infância, nomeadamente berçários/creches. Uma das primeiras soluções será implementada em Gualtar, em cooperação com a Junta de Freguesia e com várias instituições, mas o projeto pretende abranger todo o Concelho de Braga.

Além de Gualtar, Nogueiró e Tenões também já têm terrenos disponíveis para implementar as suas creches. Adaúfe pretende também avançar brevemente. Relativamente às restantes Juntas, o Município de Braga vem a fazer contactos no sentido de fazer um levantamento exaustivo de necessidades e de identificação de potenciais promotores deste tipo de respostas em todo o território do concelho.

“Ao criarmos uma rede de serviços e de equipamentos de apoio à primeira infância, estamos a incentivar a natalidade e a apoiar as famílias Bracarenses. Este é um projeto que será implementado em articulação com as Juntas de Freguesia e com as diversas instituições e associações do Concelho, mas em que é fundamental um compromisso claro da Segurança Social no apoio a estas respostas”, afirma Ricardo Rio, presidente da Câmara de Braga.

O Município bracarense espera que estes projetos possam beneficiar das verbas inscritas no Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

O líder da Coligação Juntos por Guimarães, contudo, aponta o exemplo da Câmara Municipal de Lisboa e da recandidatura de Fernando Medina. “Se preferirem olhar para um exemplo que vem de uma Câmara socialista, veja-se o que Fernando Medina está a fazer em Lisboa”, aponta Bruno Fernandes.

Medina anuncia creches grátis em Lisboa

O atual presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, lançou a sua recandidatura, no início deste mês, e anunciou esta que quer que as creches, em Lisboa, sejam gratuitas “para as famílias jovens da classe média” que residam no município. Medina comprometeu-se com “a redução progressiva dos valores pagos pelas famílias com creches, tendo em vista assegurar que se tornarão gratuitas até ao final do mandato para as famílias jovens das classes médias que residam em Lisboa”, uma medida que defende ser um “poderoso incentivo à natalidade e à fixação de jovens” na cidade.

“Lisboa, a capital do país, sente que tem que fazer alguma coisa para atrair os jovens casais, Guimarães não pode ficar parado, tem que agir nesta área, sob pena de vermos os nossos jovens mais bem preparados irem embora”, comenta Bruno Fernandes.

A Câmara Municipal de Lisboa também tem vindo a alargar a rede de creches públicas, através da cedência de terrenos e da construção dos equipamentos que depois são geridos pelas misericórdias e por instituições particulares de solidariedade social.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?