EB 2,3 DE S. TORCATO SEM OBRAS TEM REGISTADO PERDA DE ALUNOS

Há 40 anos sem intervenção, a EB 2,3 de S. Torcato tem vindo a perder alunos. Este é um problema que preocupa Alberto Martins, que admite ter conhecimento da existência de um rascunho do projeto da requalificação já a ser analisado pela Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares.

O atraso na requalificação da EB 2,3 de S. Torcato está a preocupar Alberto Martins, presidente da junta de freguesia local. A perda de alunos de ano para ano tem sido uma realidade.

De momento, e segundo revelou Alberto Martins ao Mais Guimarães, existe um rascunho do projeto, que está a ser analisado pela Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares (DGEstE).

“Nós estamos quase no final de mais um ano letivo e continuamos, sobretudo os pais, sem uma perspetiva exata de quando as obras poderão ser realizadas. E isso penaliza sobretudo quem quer matricular cá os filhos no 5.º ano. Penaliza porque há incerteza e, quando há incerteza, os pais optam pelas certezas”, explicou.

Com 40 anos, este estabelecimento de ensino nunca foi intervencionado. “É um equipamento que há 40 anos não tem qualquer intervenção. Tem tubagem rebentada há anos, perde água há anos. Em tempos em que a sustentabilidade ambiental é tão falada, não é admissível esta perda de água”, referiu Alberto Martins.

Leia o artigo na íntegra na edição desta semana do Mais Guimarães.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?