GRÃ ORDEM AFONSINA QUER DIA DE PORTUGAL A 24 DE JUNHO

Dia  25 de julho, as damas e os cavaleiros das Ordens de Ourique e da recém criada Grã Ordem Afonsina sairam à rua para celebrar o nascimento do primeiro rei de Portugal

O programa festivo incluiu, entre outros, um colóquio sobre a vida e obra de D. Afonso Henriques; a entronização dos fundadores da Grã Ordem na Capela de S. Miguel do Castelo, onde o rei fundador terá sido baptizado; e uma Ceia Afonsina com animação da época. A Grã Ordem Afonsina vai passar a celebrar o nascimento do Rei fundador todos os anos no dia 25 de julho.

A Grã Ordem Afonsina nasceu também com o objectivo de consagrar o dia 24 de junho como o verdadeiro Dia de Portugal, em vez do 10 de junho, dia em que presumivelmente terá morrido Luís de Camões. A Grã Ordem Afonsina defende que “o dia nacional deve ser o dia do nascimento dos países, e Portugal nasceu na Batalha de S. Mamede, ocorrida em 24 de junho de 1128.” Para esse efeito, decorre uma Petição Pública online para recolha das assinaturas legalmente necessárias para que a questão seja discutida no Parlamento.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?