GUIDANCE 2019 TERÁ SEIS ESTREIAS ABSOLUTAS

Festival Internacional de Dança Contemporânea de Guimarães decorre de 07 a 17 de fevereiro de 2019.

 

 

Na manhã desta quinta-feira, dia 13 de dezembro, foi apresentado o programa da nona edição do GUIdance. A temporada de 2019 irá decorrer de 07 a 17 de fevereiro e em dez dias conta com 11 espectáculos, mais dois do que na última edição.

O festival vimaranense contempla seis estreias absolutas, duas nacionais, uma remontagem, num total de seis co-produções e de cinco residências artísticas, o que demonstra o “crescimento” do festival e da sua ligação ao território, como explicou o diretor artístico do GUIdance, Rui Torrinha.

Vítor Hugo Pontes, coreógrafo de Guimarães, inaugura o GUIdance na quinta-feira, 07 de fevereiro, com a peça “Drama”, a primeira estreia absoluta do festival. “É uma honra ser o coreógrafo em destaque, na minha cidade. Sinto que estou a jogar em casa”, referiu o artista na apresentação do programa, realizada no Centro Cultural Vila Flor.

António Rafael, membro da banda Mão-Morta, que são uma surpresa desta temporada, referiu que “este é um desafio interessante”, e sublinhou a importância do GUIdance.

Na temporada de 2019, o GUIdance para além de ter mais espetáculos do que é habitual fez novas apostas. Para além do festival de dança se alargar a mais palcos, como a Fábrica Asa e o CIAJG, terá dois espetáculos direcionados às famílias e às crianças, que de acordo com João Pedro Vaz, é uma das missões da Oficina. “Este GUIdance consegue levantar o véu que a Oficina irá atravessar neste próximo ano, que faz 30 anos e o Teatro Oficina 25”, concluiu o diretor da Oficina.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?