Hospital de Guimarães quer poupar 170 mil euros no consumo energético anual

A operação de eficiência energética no Hospital da Senhora da Oliveira de Guimarães (HSOG) tem como finalidade a implementação de medidas de eficiência energética e utilização de energias renováveis.

© Direitos Reservados

A relevância estratégica deste investimento encontra-se “alinhada com a promoção da utilização racional dos recursos, priorizando as grandes linhas de atuação nas áreas da eficiência energética e da produção de energias renováveis, garantindo a prossecução de uma estratégia nacional sustentável”, refere a unidade hospitalar em comunicado às redações.

Trata-se de um investimento financiado a 95% pelos Fundos Estruturais e de Coesão, ao abrigo do PO SEUR – Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos. 

Com a implementação destas medidas, estima-se uma redução de 56% no consumo anual energético e cerca de 62% nas emissões de CO2.  

Assim, prevê-se que a redução de consumos energéticos se traduza numa poupança média anual de cerca de 170 mil euros.

A efetivação da Instalação de Painéis Solares Fotovoltaico, a produzir eletricidade para consumo interno desde setembro de 2021, garante ao HSOG uma poupança anual de cerca de 50.000,00€.   

A Classe energética do edifício presente no Certificado Energético antes da implementação da operação é “D”. Este investimento permitirá atingir a classe energética de “B”. 

“Esta é mais uma obra de grande importância na requalificação energética desta Hospital, que cumpre com a sua preocupação de melhoria continua com excelência”, pode ler-se na mesma nota.

©2023 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?