INSTITUIÇÕES E ARTISTAS “DE MÃOS DADAS” PELO SERVIÇO DE ONCOLOGIA DO HSOG

Na próxima sexta-feira, 15 instituições vimaranenses e 15 artistas juntam-se para angariar a verba necessária para adquirir um mamógrafo para o Serviço de Oncologia do Hospital de Guimarães.

O objetivo é angariar a verba necessária para adquirir um mamógrafo para o Serviço de Oncologia do Hospital da Senhora da Oliveira (HSOG). ©Mais Guimarães

15 instituições vimaranenses e 15 artistas vão juntar-se na próxima sexta-feira, dia 10 de janeiro, para uma ação solidária designada como “Guimarães de mãos dadas”. O objetivo é angariar a verba necessária para adquirir um mamógrafo para o Serviço de Oncologia do Hospital da Senhora da Oliveira (HSOG). O equipamento permite efetuar exames de diagnóstico por mamografia, na prevenção do cancro da mama, e o seu valor oscila entre os 180 e os 200 mil euros.

João Vicente Salgado, presidente dos Lions Clube de Guimarães, que organiza o evento, explicou, ao Mais Guimarães, que a ideia surgiu depois de perceber que era altura de unir várias instituições no mesmo evento por uma causa única. “Fui reparando, ao longo dos tempos, que cada associação fazia eventos para causas distintas. Fui falando com Presidente da Câmara, Domingos Bragança, e concordámos que podíamos ajudar alguém se houvesse uma causa que unisse todos. Na altura, ele disse-me que no serviço de oncologia precisava de equipamentos”, recorda.

Além do Lions Clube de Guimarães, fazem parte do evento instituições como a Refood, APCG, CERCIGUI, Because I Care, Associação Vencedores do Cancro Unidos pela Vida, Santa Casa da Misericórdia de Guimarães, Fraterna, Rotary Clube de Guimarães, Universidade do Minho, Patronato de S. Sebastião, Casa da Criança, Cruz Vermelha de Guimarães, Lar de Santa Estefânia e ADESCRE de Mesão Frio. Do lado dos artistas, passarão pelo palco do Centro Cultural Vila Flor nomes como Neno, Zé Miguel, Mister Roland, Marco Génio, Fragmentos, Lince, John and the Charmers, Dino Freitas, Tetracord’Ensemble, Dona Lu, Paulo Rodrigues, José Alberto Reis, Vimaranes, Tio Óscar e Manuel de Oliveira. Neste evento, “cada artista é padrinho de uma das instituições”, conta João Vicente Salgado.

Os bilhetes para o evento custam 10 euros e esse valor reverterá, na totalidade, para a compra do mamógrafo, já que a autarquia cedeu o espaço para a realização do mesmo. A Associação Vencedores do Cancro Unidos pela Vida já reuniu cerca de 15 mil euros para a aquisição do equipamento e, além disso, haverá vários mecenas interessados em ajudar na ação solidária.

A ideia é repetir o evento anualmente e, caso seja possível adquirir o equipamento, no próximo ano, a causa será distinta, segundo o presidente do Lions Club de Guimarães. João Vicente Salgado acrescenta que o objetivo é, no futuro, que as associações trabalhem em rede.

“Este evento serve também para mostrarmos o que se faz dentro de portas das associações. A partir daqui, queremos trabalhar em rede para criar uma base de trabalho no sentido de nos coordenarmos para que não haja sobreposição de eventos”, explica o responsável. “Estamos juntos para pedirmos auxílio uns aos outros”, acrescenta

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?