PCP DEFENDE LIGAÇÃO FERROVIÁRIA DIRETA ENTRE GUIMARÃES E BRAGA

A ligação ferroviária entre Guimarães e Braga voltou à agenda política do PCP. Em conferência de imprensa realizada esta manhã, a deputada Carla Cruz reafirmou que esta não é a primeira vez que o tema é lançado pelo partido, assumindo que a ligação direta entre as duas cidades vem sendo reclamada há vários anos.

Duas cidades unidas pelo tecido empresarial e pela universidade mas a cerca de uma hora e meia de comboio de distância. Esta é a realidade apresentada por Carla Cruz, que voltou a afirmar que é necessária a existência de uma ligação direta, uma vez que a atual exige uma deslocação a Lousado. “Não é a primeira vez que o PCP apresenta estas propostas de melhoria do transporte ferroviário no distrito de Braga e, muito em concreto, sobre a concretização direta entre Guimarães e Braga. Há muitos anos que reclamamos uma ligação entre estas duas cidades, que têm por tradição uma forte ligação, que por via da universidade quer por via da existência de inúmeras micro, pequenas e médias empresas que têm uma ligação entre os dois concelhos. Por essa via, muitos trabalhadores que se deslocam também todos os dias nestes dois sentidos”, explicou Carla Cruz.

Com vista a dar seguimento a esta recomendação, a deputada revelou que o PCP entregou, na sexta-feira, 08, um projeto de resolução sobre o tema na Assembleia da República. “Como assumimos nas nossas jornadas parlamentares, entregámos na semana passada, na sexta-feira, 08, um projeto de resolução que recomenda que o Governo prossiga e conclua os estudos para uma ligação por carril entre Guimarães e Braga e, depois de concluídos, que concretize essa ligação”, afirmou.

A resolução aponta para que, “em cooperação com as autoridades regionais e locais de transportes, melhore a articulação do transporte ferroviário com os transportes rodoviários, especialmente nas estações e apeadeiros mais distantes dos centros urbanos”. Em causa está, para além da mobilidade das pessoas, a mobilidade de mercadorias e também a dinamização económica da região e, nesse sentido, foi referida também a dificuldade na ligação entre os meios ferroviários e rodoviários

Uma ligação entre Guimarães e Fafe foi também abordada, sendo considerada para Carla Cruz fundamental a sua reativação.

 

 

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?