Ponte na Veiga de Creixomil está em fase de adjudicação e será recolocada “em breve”

Cerca de meio ano depois, a Ponte na Veiga de Creixomil ainda não foi recolocada. Segundo o presidente da Junta de Freguesia, o processo está em fase de adjudicação.

©  Mais Guimarães

Quase seis meses depois, ainda há vestígios do mau tempo que se fez sentir no final do ano passado. É o caso da Veiga de Creixomil, onde a ponte que foi arrastada devido à subida do caudal ainda não foi recolocada.

Com a reabertura da Ecovia e dos parques com o plano de desconfinamento, voltam a surgir as críticas por parte dos cidadãos que realizam o percurso.

Ao Mais Guimarães, o presidente da Junta de Creixomil, António Gonçalves garante que esteve esta segunda-feira reunido com elementos do departamento do ambiente da Câmara Municipal, que lhe explicaram que o processo está neste momento na fase da adjudicação, depois de ter sido aberto concurso público. “Isto também atrasou devido a esta confusão do coronavírus. Teve de ir a concurso público e agora está em adjudicação”

Em janeiro, o autarca local dizia ao Mais Guimarães que bastaria uma semana para a resolução do caso. “Inicialmente achava-se que o processo seria mais fácil”, admite.

António Gonçalves frisa que a situação “já deveria estar resolvida”. “Agora com a abertura, as pessoas começam novamente a ligar para a Junta e com razão. Creio que esteja para breve, mas não há data”, confessa.

Ponte na Veiga de Creixomil

Na Veiga de Creixomil, ainda há vestígios do mau tempo que se fez sentir no final do ano passado. Mais de um mês depois, a ponte que foi arrastada devido à subida do caudal ainda não foi recolocada. De acordo com o presidente da Junta de Freguesia de Creixomil, António Gonçalves, a situação deverá resolver-se na próxima semana.

Posted by Mais Guimarães on Friday, 24 January 2020
Vídeo de janeiro de 2020

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?