RELAÇÃO MANDA REPETIR JULGAMENTO DA QUEDA DE MURO

O Tribunal da Relação de Guimarães ordenou a repetição do julgamento dos quatro estudantes da Universidade do Minho acusados de homicídio por negligência, na sequência da queda de um muro que matou três colegas em abril de 2014.

O tribunal considera necessária a realização de uma nova perícia ao muro, para aferir da eventual negligência dos arguidos.

Em maio de 2017, o Tribunal Judicial de Braga absolveu os quatro estudantes. De recordar que os quatro jovens subiram a um muro, durante uma ação de praxe, que ruiu e matou três colegas.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?