TÓNAN QUITO ABRE A SEGUNDA RONDA DE ESPETÁCULOS DOS FESTIVAIS GIL VICENTE

Tónan Quito, Estelle Franco, Mariana Ricardo, Masako Hattori, Paula Diogo, Sónia Baptista e Cristina Carvalhal na 2ª semana da 31ª edição dos Festivais Gil Vicente.

@ Filipe Ferreira

Decorrida uma semana plena de fulgor teatral em Guimarães, a criação nacional continua a preencher os palcos do Centro Cultural Vila Flor e a convocar o público para uma exploração conjunta desta arte que é de todos (e que todos têm o poder de reunir).

A abrir a segunda ronda de espetáculos dos Festivais Gil Vicente, Tónan Quito traz-nos uma história de amor. “Casimiro e Carolina”, de Ödön von Horváth, sobe ao palco do Grande Auditório do CCVF, pelas 21h30, e fala sobre as sequelas da crise de 1929, a fazer lembrar esta que ainda atravessamos. A depressão é grande, o desemprego elevado, mas, apesar das medidas de austeridade tomadas pelo governo, as personagens encontram-se numa festa da cerveja para se divertirem, beberem e esquecerem os problemas.

Casimiro e Carolina é um casal que se ama – ele está desempregado, ela trabalha – até que entram em rutura, discutem, separam-se e a ferida fica aberta. O desespero do qual fugiam fica visível. Como ficaremos nós quando estas políticas passarem? Há esperança? É possível amar em tempos de crise? Não poderia haver melhor altura para fazer “Casimiro e Carolina” do que esta em que vivemos, nestes dias tão violentos.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?