BALDE DE ÁGUA FRIA IMPEDE TRIUNFO DO VITÓRIA NA ESTREIA PARA A LIGA

O Vitória esteve muito perto de conseguir o sexto triunfo em seis jogos na época 2019/20, mas um cabeceamento certeiro de Lucas Tagliapietra ao quarto minuto após os 90 regulamentares, no meio dos centrais vitorianos, impediu esse feito.

A equipa de Ivo Vieira cercou os axadrezados nos minutos iniciais da partida, criando ocasiões e chegando ao golo num remate acrobático de Davidson, aos 16 minutos.

A partir daí, o ritmo baixou um pouco, mas sempre com os homens da cidade berço no comando das operações.

O Boavista subiu um pouco no terreno após o intervalo, mas sem capacidade para ultrapassar a defesa vitoriana e criar possíveis situações de golo com regularidade.

O Vitória, por sua vez, esteve muito perto do 2-0, num remate de Alexandre Guedes, aos 55 minutos. João Carlos Teixeira quase ampliou o resultado aos 81 minutos, mas o seu remate certeiro foi anulado por fora de jogo de Florent no início do lance.

Já depois de Miguel Silva, quase sempre um mero espetador, ter sido obrigado a defesa difícil após remate de Rafael Costa, aos 88 minutos, Rochinha falhou um cabeceamento em frente à baliza aos 90. O golo acabou por surgir, mas para o Boavista, que saiu de Guimarães com um ponto, num jogo em que pouco fez por isso.

 

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?