Contas da Europa passam pelo D. Afonso Henriques

© Direitos Reservados

Isolado no sexto lugar, um triunfo no encontro diante o Famalicão, agendado para esta quarta-feira, dia 12 de maio, será crucial e importante na defesa do sexto lugar, o último de acesso a uma prova europeia.

No encalce do Vitória seguem Moreirense, Santa Clara e Belenenses SAD, todos com 40 pontos, menos dois que os Conquistadores, apesar de terem mais um jogo.

O treinador Bino Maçães está ciente da importância de o clube garantir uma participação nas competições organizadas pela UEFA. “O apuramento para as competições europeias é muito importante para o clube. Há objetivos que estão definidos desde o início da época e o sexto lugar dá acesso à Conference League. Cumprindo, a época acaba por ser bem conseguida, não na totalidade, porque o Vitória gostaria de estar no quinto lugar, mas há todo um contexto conhecido e as possibilidades, neste momento, são estas”, lembrou. “Vencendo o Famalicão damos um passo importante. Esta equipa está a crescer, está mais confiante e temos as nossas armas para conseguir um grande resultado”, acrescentou.

Apesar do otimismo, Bino Maçães reconhece dificuldades. “É um jogo difícil, porque é uma equipa que está na parte baixa da tabela, numa luta intensa para não ser despromovido. Pelo último resultado que tiveram na jornada anterior, acredito que estejam motivados para vir fazer um grande resultado a Guimarães. É uma equipa difícil, com jogadores jovens, de qualidade e que já assimilaram os processos do Ivo Vieira, um treinador que conhece bem esta casa”, reconheceu.

Na primeira volta do campeonato o Vitória venceu em Famalicão, por 0-1, com o único golo da partida a ser apontado pelo jovem André Almeida, através de um potente remate à entrada da área.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?