DÉRBI MINHOTO TERMINA EMPATADO (1-1)

Casa cheia no D. Afonso Henriques para mais uma edição do dérbi do Minho, que terminou com uma igualdade a uma bola. Guedes, para o Vitória, e Claudemir, para o Braga, foram os autores dos golos.

Os Conquistadores entraram mais fortes, com uma boa dinâmica ofensiva, e foi sem surpresa que aos 14 minutos apareceu o 1-0. Davidson trabalho na esquerda, cruzou, e Guedes apareceu no coração da área a desviar para o fundo das redes.

A resposta do Braga foi quase imediata. Aos 18’, na sequência de um canto, a bola sobrou para o segundo poste, onde surgiu o médio bracarense Claudemir, que rematou para o fundo das redes.

Até ao intervalo as duas equipas tiveram algumas oportunidades para marcar, mas sem eficácia.

O segundo tempo foi animado e disputado a um ritmo elevado. Aos 54’ Bruno Viana cortou em cima da linha um remate de Davison, e, na resposta, aos 60’, Dyego Sousa ficou a centímetros do golo, após um cabeceamento. O Braga chegou mesmo a introduzir a bola pela segunda vez na baliza de Douglas, mas o lance acabou por ser anulado. Dyego Sousa estava ligeiramente adiantado, mas fica a ideia de que o árbitro terá assinalado falta.

O resultado acaba por ser justo, refletindo aquilo que foram os 90 minutos. Na reta final o Braga foi superior, notando-se uma clara quebra física dos jogadores da casa.

Os Conquistadores somam agora 11 pontos na tabela classificativa. Na próxima jornada (9.ª) o Vitória joga fora de casa, diante do Boavista.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?