Direção do Ponte revoltada com atos de vandalismo dos adeptos do Joane

Episódios ocorreram no jogo com o Berço.

Foto-1-10-anos
© CDP

Os estragos protagonizados pelos adeptos do Joane, no Parque de Jogos Dr. João Afonso de Almeida, casa emprestada ao Berço, já mereceu uma reação por parte da direção do Ponte.

Numa nota oficial nas redes sociais, a direção liderada por Pedro Ferreira adianta já ter reportado o caso às entidades competentes, estranhando ainda não ter recebido qualquer contato da direção do Joane.

Leia na íntegra o comunicado:
“O Clube Desportivo de Ponte condena veementemente os atos de puro vandalismo praticados por adeptos afetos do Grupo Desportivo de Joane na bancada do Parque Desportivo Dr. João Afonso de Almeida, no passado sábado, durante a partida que colocou frente a frente o Berço Sport Clube e o emblema famalicense.

Estes atos arcaicos e claramente provocatórios, como comprovam os vídeos publicados nas redes sociais, não têm, e nunca poderão ter, espaço no futebol.

O Clube Desportivo de Ponte informa que entregou o caso às entidades competentes e está inteiramente disponível para colaborar com as mesmas, para que este tipo de situações sejam definitivamente irradiadas dos estádios de futebol”


A direção do Clube Desportivo de Ponte estranha ainda não ter recebido qualquer contacto por parte de elementos do Grupo Desportivo de Joane, com o intuito de auxiliar na identificação dos responsáveis de tais atos, para que os mesmos não passem impunes”

PUBLICIDADE

Arcol

Partilhar

PUBLICIDADE

Ribeiro & Ribeiro
Instagram

JORNAL

Tem alguma ideia ou projeto?

Websites - Lojas Online - Marketing Digital - Gestão de Redes Sociais

MAIS EM GUIMARÃES