European Vespa Days: Convívios, casamentos, pin-ups, desfiles e vespas raras para visitar

Estão a ser ultimados os preparativos para o European Vespa Days, um dos eventos mais aguardados do ano e que promete transformar a cidade-berço num verdadeiro paraíso para os amantes destes veículos de duas rodas. O evento arranca já na próxima quinta-feira, dia 30 de junho, e prolonga-se até domingo, 03 de julho.

© Cláudia Crespo / Mais Guimarães

O Vespa Clube de Guimarães é a entidade organizadora do evento, que conta também com o apoio do município. Em entrevista ao Mais Guimarães, Gabriel Abreu, coordenador do evento, explicou que o Vespa Clube de Portugal concorreu ao evento, que depois elegeu a cidade de Guimarães para a sua localização, uma vez que cumpre “todos os requisitos exigidos”.

Atualmente, o Vespa Clube de Guimarães conta com 360 associados, que viram com “muito bons olhos a realização do evento na sua cidade”. Na verdade, há um grande sentimento de união em torno no European Vespa Days e todos estão mobilizados para ajudar. “Está a ser excelente porque houve uma adesão muito boa de todos os sócios”, explicou Rui Rodrigues, atual presidente da direção do clube.

© Cláudia Crespo / Mais Guimarães

A pandemia adiou o evento dois anos, mas agora a adesão é ainda maior do que o esperado. José Carlos Alves, coordenador da organização do evento, disse acreditar que “será um evento excepcional na cidade” que, no mínimo, vai reunir 8 a 10 mil vespistas, de 34 países.

Durante quatro dias, os vespistas vão “usufruir de tudo aquilo que a cidade tem para oferecer, quer a nível paisagístico, como a nível gastronómico, sempre com as vespas como principal atração”, destacou o responsável. Os primeiros entusiastas chegaram a Guimarães na semana passada e garantem que estão a “adorar a cidade”.

O European Vespa Days mobiliza vespistas de todo o mundo, mas para alguns amor pelas vespas quebra barreiras. É o exemplo de dois casais estrangeiros que escolheram o evento na cidade-berço para darem o nó. Acabaram por adiar o casamento, mas nem por isso decidiram abandonar a “família vespista” e casar à margem do evento.

© Cláudia Crespo / Mais Guimarães

É já a partir desta segunda-feira que começa a nascer a aldeia vespista, no Multiusos de Guimarães, que é o ponto de encontro para os visitantes. “Será uma perdição para os amantes das vespas. Além das que estarão em exposição, vamos contar também com muita animação, nomeadamente concertos de artistas locais, um jantar de gala, o concurso da elegância, elementos temáticos e pin-ups. Os participantes vão ainda poder acompanhar a realização de uma escultura em madeira que deverá ficar concluída no final do evento”, detalhou.

Um dos pontos altos do evento acontece na tarde de sábado, com o passeio das Vespas. Ao longo de 90 quilómetros, os participantes vão ter a oportunidade de conhecer os pontos chave da cidade-berço e também das cidades vizinhas, como por exemplo Póvoa de Lanhoso, Braga, Felgueiras, entre outras. É esperada a adesão de, pelo menos, três mil vespas.

O Museu Alberto Sampaio está também no mapa dos vespistas. Entre 28 de junho e 17 de julho, estará em exposição um vasto património de vespas cedidas por colecionadores locais e nacionais. A mais antiga é de 1948. Além dos modelos raros, haverá também modelos mais recentes de coleção única, bem como vespas avaliadas em 20 e 30 mil euros.

© Cláudia Crespo / Mais Guimarães

A inauguração do evento acontece na quinta-feira de manhã, pelas 10h00, com visita das entidades oficiais ao mural vespista criado por Nelson Xize e à aldeia vespista. Segue-se a abertura do recinto geral e momentos de convívio e animação musical que se estendem até ao pôr do sol.

Na sexta-feira, pelas 16h00, acontece o tão esperado concurso “Vespa Elegância” com passagem modelos em Vespa, em que os participantes surgem trajados de acordo com a época da Vespa em que participam.

No terceiro dia do evento, além do passeio, vai ainda decorrer o jantar de gala, que junta mais de dois mil participantes e cujas inscrições de encontram esgotadas desde a altura em que o evento foi anunciado.

O último dia vai contar com vários ranchos folclóricos da região Minhota. A sessão de encerramento está marcada para as 14h00.

©2022 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?