GNR inaugura Gabinete de Atendimento ao Cidadão em Silvares

Decorreu na manhã desta sexta-feira, na Junta de Freguesia de Silvares, a inauguração do novo Gabinete da GNR – Destacamento Territorial de Guimarães, com a assinatura de um contrato em regime de comodato entre a Junta de Freguesia de Silvares e a GNR. Na sessão estiveram presentes Domingos Bragança, Presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Ricardo Castro, presidente da Junta de Freguesia de Silvares, e Carlos Morgado, comandante distrital da GNR de Braga.

© CMG

Apesar de inaugurado nessa manhã, o Gabinete da GNR em Silvares foi instalado em agosto de 2023 e, desde então, já realizou 170 mil atendimentos, 37 queixas crimes, 5 alarmes de intrusão e 2 participações por desaparecimento. Até junho 2024, são mais de 20 atendimentos por semana, o que, segundo o Comandante Carlos Morgado, “demonstram a necessidade e o impacto positivo que tem tido, contribuindo seriamente para a manutenção da segurança no território”

Na sua intervenção, Domingos Bragança destacou a importância de Silvares para a dinâmica económica do concelho, que tem visto o seu “grande dinamismo comercial e económico” a aumentar ao longo dos anos.

Esta proximidade da Guarda Nacional Republicana à comunidade da zona oeste “é muito importante para aumentar a segurança dos nossos cidadãos”. No entanto, “não é só a segurança que aumenta, é também a perceção da segurança dos nossos cidadãos” e, consequentemente, o sentimento de segurança.

Para o edil, resolver as “incivilidades das complexas sociedades contemporâneas” e combater, por exemplo, a fragilidade do isolamento social, os crimes ambientais, o pequeno crime, mas perturbador da boa ordem social e indutor de crimes mais graves, implica uma atuação de muita proximidade por parte dos militares da GNR. Quando estes “estão mais perto, toda a comunidade sente os impactos positivos da sua presença”.

Perante os dados partilhados pelo Comandante Carlos Morgado, Domingos Bragança defendeu que, “se este posto continuar com estes resultados positivos, então temos que replicar este modelo noutras geografias do território”.

Para Ricardo Castro defendeu que “entidade mais próxima das populações é a freguesia e, por isso, temos que prestar o melhor serviço às populações”, justificando desta forma a criação deste Gabinete de Proximidade. Dos CTT ao Espaço Cidadão, e agora “com o Gabinete de Atendimento ao Cidadão da GNR, este é um bom caminho que temos percorrido”, afirmou o presidente da junta.

O comandante da GNR, agradeceu o apoio que Domingos Bragança tem dado à GNR e as “excelentes relações” entre os militares, a junta de Freguesia e a câmara Municipal”. Já sobre a localização do gabinete em Silvares, foi feita uma avaliação da posição do comando territorial e “concluímos que era mais benéfico para a população a criação de um espaço físico nesta zona”.

PUBLICIDADE

Arcol

Partilhar

PUBLICIDADE

Ribeiro & Ribeiro
Instagram

JORNAL

Tem alguma ideia ou projeto?

Websites - Lojas Online - Marketing Digital - Gestão de Redes Sociais

MAIS EM GUIMARÃES