Guimarães deve continuar na lista dos concelhos de “alto risco”

O Governo vai reavaliar, esta quinta-feira, a situação sanitária do país. O número de concelhos sujeitos a medidas mais apertadas deverá subir para 150, segundo adianta o Correio da Manhã.

De acordo com aquele jornal, tudo indica que a reavaliação que irá ser feita, hoje, pelo Governo deverá alargar a lista de concelhos sujeitos a medidas mais apertadas dos atuais 121 para cerca de 150.

O critério usado pelo Executivo para ser incluído nesta é ter mais de 240 novos casos de covid-19 por 100 mil habitantes. De acordo com este critério, tomando em linha em linha de conta a população do concelho de Guimarães, de acordo com o INE, o município tem de ter 366 novos casos, ou mais, para entrar na lista de “alto risco”.




Nos 14 dias anteriores a 26 de outubro, Guimarães registou 612 novos casos. Entre os dias 7 e 9 de novembro, Guimarães registou mais 438 casos positivos, pelo que não é de esperar que o concelho se mantenha entre os que têm medidas restritivas mais apertadas.

Segundo o jornal, admite-se a possibilidade de serem excluídos alguns municípios, devido à redução do número de contágios.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?