GUIMARÃES VAI TER UMA EMPRESA MUNICIPAL DE TRANSPORTES

Quem o afirma é Domingos Bragança. Para o presidente da Câmara a empresa é necessária para colmatar as falhas da atual concessão.

Em entrevista à Rádio Santiago, Domingos Bragança afirmou que deseja a empresa municipal de transportes tome forma ainda durante o ano de 2018. Esta empresa deverá atuar nas zonas em que a atual concessão, que dura até 2020, não tem cobertura, ou tem uma cobertura deficiente.

O presidente não soube ainda precisar a forma jurídica desta entidade, admitindo que poderá ser uma empresa ou uma cooperativa, na qual participarão (como acionistas ou cooperantes), a Câmara Municipal de Guimarães, as juntas de freguesia e as instituições de solidariedade social que quiserem aderir.

A frota desta nova empresa municipal será constituída unicamente por autocarros elétricos. A aquisição destas viaturas deverá ser comparticipada pelo Estado e pela União Europeia, “mas para o isso temos que ser uma empresa de transportes”, explicou Domingos Bragança.

Estes autocarros farão percursos regulares e outros a pedido das instituições. O presidente pretende que esta empresa sirva as necessidades sociais e educativas e que esteja ao serviço da comunidade escolar. Para que as viaturas elétricas possam funcionar em todo o concelho terá que ser criada uma rede de carregamento rápido, que já está prevista, segundo o presidente.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?