Guimarães é o quarto concelho com mais incidência de covid-19 no Norte

Guimarães ocupa a quarta posição da incidência de Covid-19 no Norte do País. O Município só é ultrapassado por Paços de Ferreira, Lousada e Vizela.




A 09 de novembro, segundo o relatório da Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N) a que o Mais Guimarães teve acesso, Guimarães ocupava a quarta posição nesta região, em taxa de incidência, com 1985 casos positivos detetados nos 14 dias anteriores, por 100 mil habitantes. De 02 de outubro a 08 de novembro, em termos globais, contabilizou 1.788 casos positivos, de 26 de outubro a 01 de novembro, 1236 e, na semana entre 19 e 25 de outubro, 818 casos positivos de Covid-19.

Fonte: ARS Norte

Esta tabela de incidências, considerando os mesmos períodos, é liderada pelo concelho de Paços de Ferreira, com 3.948 casos por 100 mil habitantes nos anteriores 14 dias, seguindo-se Lousada com 3.749 e Vizela com 2782 casos positivos. (Quadro) Guimarães está incluído na lista dos 191 municípios abrangidos pelo dever cívico de recolhimento domiciliário, com novos horários nos estabelecimentos e teletrabalho obrigatório devido à covid-19.

Estes concelhos abrangidos pelas medidas restritivas têm mais de 240 casos de infeção com novo coronavírus por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, critério utilizado pelo Governo para atualizar a lista de municípios sujeitos a medidas restritivas. Este critério foi definido pelo Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças, havendo uma exceção para surtos localizados em concelhos de baixa densidade.

O relatório da Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N), reporta a evolução epidemiológica nos concelhos da região Norte a partir de 26 de outubro, dia em que a Direção-Geral de Saúde (DGS) deixou de divulgar os mapas por concelho, e confirma Guimarães como um dos concelhos onde a incidência ultrapassa o valor médio da sua região. No distrito de Braga destacam-se também Fafe e Vila Nova de Famalicão.




A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.285.160 mortos em mais de 52,1 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP. Em Portugal, morreram 3.181 pessoas dos 198.011 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?