Há um Festival de Ciência Online e os vimaranenses estão todos convidados

Homenagem da Rede Nacional de Centros Ciência Viva ao trabalho dos investigadores conta com apoio vimaranense. Este sábado, o Dia Nacional dos Cientistas assinala-se através de uma festa a que todos podem aceder.

Mohan Munasinghe na visita ao Curtir Ciência, em 2016
© Leonardo Vilelva/ Curtir Ciência

Está aí à porta um Festival de Ciência Online. O objetivo? Celebrar o Dia Nacional dos Cientistas. Afinal, “agora, mais que nunca, ouvimos falar de Ciência. E a missão da comunidade científica no avanço do conhecimento, promoção do diálogo e bem-estar da sociedade torna-se mais presente”, lê-se no sítio do Ciência Viva.

Por isso, este sábado, 16 de maio, haverá uma emissão inteiramente online produzida pela Rede Nacional de Centros Ciência Viva e com o apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Esta homenagem da Rede Nacional de Centros Ciência Viva ao trabalho dos investigadores também conta com apoio vimaranense. “O Centro Ciência Viva de Guimarães participou de forma ativa, ao longo de várias semanas, nas reuniões de trabalho com vista à definição da grelha final das três horas de emissão deste festival. Entre outras propostas apresentadas pelo Curtir Ciência, surge, com destaque, a participação de Mohan Munasinghe, Prémio Nobel da Paz em 2007 e elemento de relevo da Comissão de Acompanhamento de Guimarães Capital Verde Europeia”, refere, em nota informativa, o Curtir Ciência Centro Ciência Viva de Guimarães.

“Mohan Munasinghe foi a primeira escolha, por ser um cientista de renome, distinguido com o Nobel da Paz e por se dedicar à cada vez mais fulcral questão das alterações climáticas. Em contexto de pandemia faz todo o sentido este olhar para o futuro do ponto de vista ambiental, discutindo o tipo de desenvolvimento que queremos para o nosso planeta”, enquadra o diretor do Centro Ciência Viva de Guimarães, Sérgio Silva.

Assim, no dia 16 de maio, Dia Nacional dos Cientistas, a Ciência vai ao encontro de todos os portugueses para celebrar o trabalho da comunidade científica. Do programa fazem parte sprintalks, visitas virtuais, atividades, desafios, “e outras surpresas”.

O festival pode ser acompanhado, das 16h00 às 19h00, em www.cienciaviva.pt/festival/ ou bit.ly/YouTube_FestivalCienciaOnline.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?