INCRÍVEL, ESTA MASSA ASSOCIATIVA

por ALFREDO MAGALHÃES

Docente do Ensino Superior

  1. Cá estou, de novo, conforme o prometido. Da mesma maneira, de forma séria, isenta e imparcial, sem estar “amarrado” a interesses pessoais ou corporativos, livre e responsável, com um só único objectivo: Engrandecer Guimarães e o nosso Vitória. Num espaço meu e só meu, num jornal independente, plural e credível que será, na minha opinião, uma referência seríssima, muito brevemente.
  1. O Vitória Sport Clube celebrou recentemente o 94.º aniversário e caminha rapidamente para um século de vida. Ao longo destes longos anos foram escritas páginas de glória e vivemos momentos de enorme alegria, com conquistas inolvidáveis. Para tal ser possível, o Clube contou com o esforço de atletas, o saber de treinadores, o trabalho de funcionários, a dedicação de dirigentes e, sobretudo, a determinação e perseverança da sua massa adepta. O Vitória dos nossos dias ressurge de um período muito complicado, devido a uma crise financeira gravíssima, que obrigou a grandes cortes em todos os aspectos incluindo, naturalmente, a ambição desportiva.

Os sinais dizem-nos que o pior já lá vai e que há motivos para acreditar num futuro bem melhor. A equipa de futebol, que esta temporada voltou a contar com um treinador à sua medida, está a realizar uma temporada tranquila e há razões mais do que suficientes para acreditar que será capaz de alcançar uma posição classificativa no Campeonato que nos permita voltar a estar presentes na Liga Europa. O que aconteceu este fim de semana contra o Sporting é o exemplo acabado disso mesmo. A perdermos por 3-0 até aos 75 minutos fomos capazes de conseguir o empate (3-3) em 15 minutos absolutamente loucos. Só equipas mentalmente fortes como o nosso Vitória, com uma massa adepta deste calibre seriam capazes de alcançar tamanho feito. Não me canso de repetir a enorme mais valia que representa para o Clube, sermos assim: apaixonados, fervorosos, incansáveis, conquistadores. Como disse Pedro Martins e, também, Jorge Jesus “estes adeptos empurraram a equipa até à exaustão…”

Por isso eu digo que é muito importante que quem define a política desportiva do Clube “acompanhe”, em todos os sentidos, esta incrível massa associativa, que seja capaz de compreender a verdadeira História do nosso Vitória e, se não participaram nela, e é natural porque são mais novos, que estudem, que oiçam os mais velhos… que façam o trabalho de casa. Porque ainda é possível voltarmos às primeiras páginas dos jornais,  à abertura dos telejornais e ter, enfim, uma voz nacional.

  1. É Já no próximo dia 15 deste mês que terá lugar aqui, em Guimarães, um acontecimento único e inovador que percorrerá as diversas áreas mais representativas da cidade. Trata-se do Bestravel Penha Trail que, nas palavras dos seus responsáveis, terá três distâncias disponíveis: O mini-trail/caminhada de 10 Kms, para os que gostam de caminhar ou que estão a iniciar a sua experiência no trail running. Os restantes trilhos de 18 Kms e de 25Kms estão disponíveis para os mais experientes e que se sentem preparados para desafios mais exigentes. Esta iniciativa é promovida pela empresa vimaranense VIBES & BEATS vocacionada, no essencial, para a realização de grandes eventos de âmbito nacional.

É notável este Bestravel Penha Trail  porque, num só evento, consegue conciliar espaços que representam a modernidade de Guimarães, como é o caso da Plataforma das Artes, o percurso pelas áreas associadas ao Património Industrial e Histórico e ainda o contacto directo com a Natureza ao longo da montanha da Penha. É, por isso, louvável este tipo de iniciativas que podem movimentar milhares de jovens que visitarão, pela primeira vez, esta nossa linda cidade.

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?