Limpeza e manutenção das faixas de gestão até 31 de maio

Os proprietários, arrendatários, usufrutuários ou entidades que “detenham terrenos confinantes a edifícios inseridos em espaços rurais” devem proceder à limpeza e manutenção das faixas de gestão de combustível até 31 de maio (próximo domingo). O incumprimento da limpeza até ao dia indicado “constitui contraordenações puníveis com coimas de 280 a 10 mil euros no caso de pessoas singulares e de 3.000 a 120 mil euros no caso de pessoas coletivas”, explica comunicado da Câmara Municipal de Guimarães.

De acordo com a autarquia, o Município “procede em média à limpeza de 250 hectares por ano, no total das faixas de gestão de combustível”. Até à data, a Câmara assegura ter já executado a limpeza “de uma centena de hectares”. No comunicado citado, o Município aponta exemplos como os trabalhos realizados nas freguesias de Longos, Figueiredo e Leitões ou Gonça.

Para além desses trabalhos, e de acordo com as determinações do Plano Municipal de Defesa da Floresta contra Incêndios, também foi intensificado o trabalho em “áreas não prioritárias, mas onde foi identificada necessidade de intervir”, como, por exemplo, “a zona florestal envolvente” à capela de Nossa Senhora da Saúde em Sande São Clemente.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?