MINISTRA DA SAÚDE SOBRE UNIDADE DE CARDIOLOGIA NO HSOG: “AGUARDA-SE AINDA A AUTORIZAÇÃO”

O deputado vimaranense Luís Soares questionou Marta Temido, Ministra da Saúde, acerca do início do funcionamento da Unidade de Cardiologia de Intervenção e Diagnóstico do Hospital de Guimarães. O equipamento foi doado ao hospital, uma ação que a Ministra aproveitou para realçar.

“Aguarda-se ainda a autorização para aquilo que já é um facto consumado. É uma realidade com a qual muitas vezes nos confrontamos, em que primeiro as coisas acontecem e depois são suscitadas as autorizações necessárias ao Ministério da Saúde. Foi um desses casos”, começou por esclarecer Marta Temido.

Tal como aproveitou para realçar, “houve um grupo de mecenas, aos quais é justo agradecer, que numa iniciativa local optaram por facultar ao Hospital a instalação de uma unidade de cardiologia de intervenção”, acrescentando que a mesma “foi concretizada e a unidade está instalada”.

No entanto, e de acordo com a sua intervenção, a unidade não corresponde “exatamente ao desenho inicial da rede de referenciação para esta área”, facto que “causa algum constrangimento”. Ainda assim, garante, “não será por isso que não vamos resolver o problema e o que se está a aguardar é o ultimar dos pareceres que duas entidades têm que emitir, a Administração Regional de Saúde e a ACSS para que depois a unidade possa iniciar o seu normal funcionamento, que é muito bem-vindo”, concluiu a Ministra da Saúde.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?