Vacinas chegam a Guimarães no dia 22

De acordo com o diretor clínico do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Alto Ave, Novais de Carvalho, o processo de vacinação inicia-se, em Guimarães, no dia 22 de fevereiro. “Na prática a primeira vacina dever ser dada na terça-feira (dia 23), uma vez que as vacinas chegam na segunda-feira”, adiantou.

Foto: Mais Guimarães

Segundo o diretor clínico do Aces do Alto Ave, a vacinação neste agrupamento de centros de saúde começou por Mondim de Basto e Cabeceiras de Basto, no dia 17. “A vacinação avança agora para Fafe, Guimarães e Vizela. Em cada um destes concelhos há um centro de vacinação específico”, informa Novais de Carvalho.

De acordo com Novais de Carvalho, o processo ficou pronto ontem e a partir de agora os utentes poderão começar a ser contatados pelas Unidades de Saúde Familiar. Ao contrário do estava previsto, os contatos não serão feitos, nesta fase, centralmente, pelos Serviços Partilhados de Saúde. Os utentes receberão uma chamada telefónica (email ou carta) da sua Unidade de Saúde Familiar, em que terão que manifestar a sua disponibilidade para receber a vacina. Depois disto, será marcado um dia e uma hora para serem inoculados.

Os primeiros utentes a ser vacinados na próxima semana devem ser contatados até ao final desta semana. O diretor clínico do ACES estima em cerca de 11 mil as pessoas a vacinar, no concelho de Guimarães.

Nesta fase serão vacinadas as pessoas com mais de 80 anos e as que tendo mais de 50 anos tenham comorbilidades, de acordo com a norma: doença coronária, insuficiência cardíaca ou renal ou doença pulmonar obstrutiva crónica

A vacinação em Guimarães será feita num centro montado para o efeito no Pavilhão Multiusos, numa colaboração entre o ACES do Alto Ave, a Câmara Municipal de Guimarães e a Tempo Livre. As equipas que integram este centro de vacinação foram recrutados em todas as unidades do ACES: Unidade de Saúde Pública (USP), Unidade de Cuidados Continuados (UCC), Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP).

O diretor clínico do ACES do Alto Ave lembra que “há vacinas para todas as pessoas”. Novais de Carvalho pede “tranquilidade” e deixa a certeza de “quem não for chamado agora, será chamado mais tarde”.

©2022 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?