Vítor Campelos rescindiu amigavelmente com o Al Taawon

Vítor Campelos rescindiu amigavelmente o contrato que o ligava ao Al Taawon. Apesar da boa campanha protagonizada no campeonato saudita antes da paragem forçada da prova e com uma excelente campanha na fase de grupos da Liga dos Campeões, ocupando o primeiro lugar, os resultados após a retoma não foram os melhores e o divórcio amigável foi a solução encontrada pelas partes envolvidas. O treinador vimaranense debateu-se com vários problemas nos últimos meses, encontrando um plantel diferente do inicial. Vários jogadores terminaram contrato a 30 de junho e não renovaram os respetivos vínculos. Além disso, diversos elementos do grupo acusaram positivo à Covid 19 e tiveram várias semanas sem dar o respetivo contributo. Sem as mesmas soluções, a equipa quebrou de rendimento e a ausência de resultados positivos ditou num acordo de cavalheiros para a rescisão amigável do contrato.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?