Vizela e Guimarães são os concelhos com mais novos casos

Entre 28 de outubro e 10 de novembro. segundo a DGS, Vizela e Guimarães foram os dois concelhos do distrito de Braga que registaram mais casos novos de covid-19.

No concelho de Vizela, naquele período, foram registados 2 653 casos e, em Guimarães, 1 886. No mesmo período, em todo o distrito de Braga registaram-se mais 13 694 novos casos de infeção por covid-19. Fafe, com 1787 novas infeções e Famalicão, com mais 1 349 casos positivos, são os dois territórios mais afetados, depois de Vizela e Guimarães.

Terras de Bouro permanece como a zona menos afetada pela pandemia no distrito. Entre 28 de outubro e 10 de novembro, o concelho só registou 204 novos casos de covid.

A DGS calcula a Incidência Cumulativa a 14 dias de infecção por SARS-CoV-2 fazendo o  quociente entre o número de novos casos confirmados nos 14 dias anteriores ao momento de análise e a população residente estimada, por concelho, a 31 de dezembro de 2019, pelo Instituto Nacional de Estatística, IP. Habitualmente é expressa em número de casos por 100 000 habitantes”. 

O único concelho do distrito de Braga que fica abaixo dos 240 mil infetados por 100 mil habitantes (valor para ser incluído entre os territórios de alto risco) é Terras de Bouro. Na avaliação anterior, Vieira do Minho também estava fora do grupo de concelhos de alto risco.

A nível do Minho, só Terras do Bouro, no distrito de Braga e, no distrito de Viana do Castelo, Ponte da Barca, Melgaço e Monção, estão fora do mapa dos concelhos de alto risco de transmissão.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?