ASAE fecha armazém de carnes em Guimarães

A ASAE suspendeu a atividade de um armazém de carnes, em Guimarães, onde durante uma operação verificou que nas duas câmaras frigoríficas não cumpriam as regras relativamente à temperatura e controlo veterinário. No espaço encontravam-se cerca de 12 toneladas de carne armazenadas sem cumprir normas.

Foto: DR

De acordo com a ASAE, a operação aconteceu “no âmbito de uma ação de fiscalização da Brigada de Indústrias da Unidade Regional do Norte, da sua Unidade Operacional de Mirandela, que procedeu à suspensão da atividade de um estabelecimento de comércio por grosso e de armazenagem de géneros alimentícios de origem animal, no concelho de Guimarães”, devido irregularidades referidas.

“Como principais infrações detetadas, destacam-se o não cumprimento das condições de temperatura controlada, bem como, a inexistência do número de controlo veterinário atribuído pela Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), porque constituem pré-requisitos para que se mostrem cumpridas, perante os consumidores e as autoridades de controlo, as normas de segurança alimentar e o as disposições legais dos regulamentos europeus aplicáveis”, pode ler-se no comunicado do órgão de polícia.

“O representante do estabelecimento foi ainda advertido que o não cumprimento imediato da ordem de suspensão ou a sua violação posterior constituem uma prática de crime de desobediência previsto e punido pelo Código Penal”, sublinha a ASAE e acrescenta que “continuará a desenvolver ações de fiscalização em prol da sã e leal concorrência entre operadores económicos e a proteção dos consumidores”.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?