OS CARACÓIS SÃO INGÉNUOS E ESTÚPIDOS, MAS NÃO SÃO MALCRIADOS

por Mário Moreira

Os caracóis são ingénuos e estúpidos, mas não são malcriados. Sabem porquê? Porque não têm sexo

Este estranho e infeliz animal nunca sai da casca, não se sabendo o que faz tão recolhido, além do mais não tendo sexo, tadinho…!

Quando incitado pelas pessoas: “Caracol, caracol, pôe os corninhos ao sol”, não tem reação, por vezes no meio deste jogo ingénuo e monótono, como convém, tratando-se de um simples caracol, não tem qualquer significado.

Estúpido como é, nem sequer sabe que tem corninhos. Mas se sabe, porque motivo os há-de exibir e expô-los ao sol? O mais sensato seria escondê-los, fazer de conta, ou fazer que não é nada com ele, como é frequente nestes casos!

Não obstante a sua estupidez e falta de vergonha na cara, os cientistas, consideram-no, um alimento afrodisíaco, é verdade!

Na Grécia antiga, os amantes do caracol, tomavam-no antes ou depois das refeições, conforme as vontades e necessidades de cada um, com vinho de acompanhamento, claro está. O meu querido pai, responsável pela vinda ao mundo de 9 filhos, adorava caracóis. O sentido do gosto, gastronómicamente falando, passou, como filho mais velho, habituado desde criança ao ambiente da cozinha.

No século XVII chegaram a ser considerados um alimento depravado, preverso, um criado de quarto de Luis XIV,  considerou no seu espanto “a bizarria humana tinha ido procurar neste alimento a satisfação para a extravagância da gulodice”. Mais tarde, diversos cozinheiros, introduziram nas suas ementas reais a confeção dos caracóis. Hoje, há um significativo número de receitas a ele associadas.

O que mais me interessa, é sobretudo, que o pobre e teso caracol português, pequeno mas saboroso, talvez mais ingénuo e mais estúpido do que espécies de outros paises,   mais casmurro e avesso à mudança, mas com grandes propriedades afrodisíacas, até porque se nota no recente aumento da natalidade… Secalhar não com resultados que esperariamos, até porque se aconselha, ingerir grandes quantidades para fazer efeito, e,  nós portugueses, ficámo-nos por um pratinho, deste modo, não adianta muito, à coisa… ou será do excesso de alcóol que desfaz o efeito, que com os caracóis de pretendia fazer levantar?

“Caracóis à Portuguesa”

Lavar 1kg de caracóis e demolhar em várias águas com sal grosso, até que a goma langahenta, desapareça. Fazer um puxado com 2 cebolas em azeite. Adicionar copo 1 copo de vinho branco, os caracóis, deixar que saiam da casca, 100gr de bacon, ½ chouriço de carne, 5 dentes de alhos esmagados, folha de louro, raminhos de salsa, tomilho e oregaõs. Retirar a espuma que vai formando. Temperar de sal e piripiri, deixar ferver em lume brando.

Bom apetite.

Um abraço gastronómico.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?